Go to Top

Cinemagine – uma resolução de ano novo que saiu do papel

Tudo começou no final de 2013, com a chegada do ano novo. Assim como a maioria de nós, o redator publicitário, Fernando Christo, fez uma relação de tudo que queria conquistar no ano que se iniciava. Entre os itens de sua lista, estava a resolução: “fazer alguma coisa por alguém”.

Por ser vizinho do Instituto Paranaense do Cegos, em Curitiba, Christo pensou que ali estavam as pessoas por quem ele poderia fazer alguma coisa. “Há anos eu acompanho e converso com os deficientes visuais que frequentam o Instituto, o que criou em mim grande empatia por eles”, conta ele. Foi assim que o projeto Cinemagine – cinema para imaginar, começou a ser idealizado.

cegos3

Mas, foi na comemoração dos 80 anos de sua avó que o Cinemagine ganhou todas as suas formas e contornos. Fernando conta exatamente como foi esse processo: “para o aniversário da minha avó, toda a família foi para a Disney. Enquanto estávamos em um cinema 4D veio o click: usar os recursos dessas salas de cinema para promover uma experiência única para os deficientes visuais.”

A ideia estava pronta, agora “só” faltava materializar. Foi preciso falar com muita gente e se empenhar em muitas horas de trabalho para tirar o Cinemagine do papel. Assim que o pessoal do Cinépolis topou a ideia, Fernando começou a roteirizar e produzir os filmes, que precisaram ser mixados na Coréia (país que detém a tecnologia 4D). Com apoio de amigos e apoiadores da iniciativa, os filmes foram finalizados e divulgação iniciada.

cegos9

Foi assim que a resolução de ano novo do Fernando chegou nas salas de cinema. Depois de muito empenho e apoio o Cinemagine se tornou real!” conta de forma animada o idealizador do projeto.

No mês passado, o pessoal do Instituto dos Cegos assistiu a pré-estreia, a reação deles e o emocionante vídeocase de todo o projeto você assiste no vídeo aqui embaixo.

Agora, chegou a hora da exibição nacional dos filmes, que ocorre amanhã (25 de Abril), nas salas do Cinépolis de todo o Brasil. Simultaneamente, às 11h da manhã acontecerá a sessão do Cinemagine em Curitiba, Salvador, Fortaleza, São Bernardo do Campo e São Paulo. A entrada é franca para deficientes visuais.

Aqui em Curitiba, o Cinépolis fica no Pátio Batel (Avenida do Batel, 1868 – Batel). Apoie você também este lindo projeto! <3

Bases_Assinaturas_ATerapiaDeAliceMye

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *