Go to Top

A gente ama até jurar que nunca mais vai amar

♪ Clique aqui para ouvir I’ll Never Love Again enquanto lê este texto ♥ (ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify)

fotografia: @milenedamata

No começo é sempre igual: a gente sente aquele frio na barriga, o sorriso escapa sem querer e os olhos se procuram mesmo quando nenhuma palavra é dita. Aliás, muitas vezes a gente fica sem palavras…

Até que os olhares se encontram, o coração acelera e a paixão toma conta! Esta fase faz sua alma queimar e o corpo tremer. Você cria expectativas e mesmo quando diz em voz alta que não está nem aí, você sabe que aí dentro já construiu um castelo de ilusões. Lindo, porém frágil, e ele desmorona no primeiro vento de decepção…

E então você descobre o amor, entende que a gente se apaixona “porque”, mas ama “apesar de”. Apesar das falhas, dos tropeços. Você perdoa, recomeça, passa por cima. Releva, amadurece. O que antes parecia borboletas no estômago te fazendo voar, se transforma em chão para você pisar.

Mas algumas vezes este chão se abre, a decepção vem como uma tempestade, destruindo tudo ao seu redor e fica difícil reconstruir. Você repensa tudo que fez, reflete se o esforço valeu a pena… valeu. Porque você foi sincera, independente de qualquer coisa.

É sempre assim: a gente ama até jurar que nunca mais vai amar. Porque apesar de tudo que você passou e tudo que você fez, você sabe que quando a hora chegar você irá se entregar outra vez. É só uma questão de tempo.

♥ VEM ACOMPANHAR TAMBÉM
(clique para seguir)
NO INSTAGRAM:
@milenedamata|@aterapiadealice
YOUTUBEFACEBOOKTWITTER

2 Respostas para "A gente ama até jurar que nunca mais vai amar"

  • Bru
    15 de abril de 2019 - 18:15 Responder

    Texto maravilhoso! Ameeeei!!!!

  • Eduarda Akemi
    27 de abril de 2019 - 17:19 Responder

    Que texto Lindoooo

Deixe uma resposta para Eduarda Akemi Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *