Go to Top

De repente grávida!

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Nós, mulheres nascidas nesse tempo em que temos mais liberdade para fazer o que quisermos, em geral, temos feito jus aos sutiãs já queimados. Crescemos já sabendo que podemos dominar o mundo ser donas de carreiras brilhantes.

Mas parece que ser bem sucedida é privilégio de mulheres livres e desimpedidas. Não para quem, de repente, fica grávida antes do planejado. Até porque, esse é o tipo de coisa que só acontece com a amiga da amiga, mas nunca com você… até acontecer com você.

Isso aconteceu comigo há alguns anos, eu entrei em desespero, mas acreditem: eu sobrevivi. E tem sido incrível. Já que o primeiro fato inegável é que você está grávida e terá que lidar com isso, vou te dar algumas dicas que ajudarão a tornar mais leve o que já deveria ser leve por natureza: a gravidez.

Por falar em natureza, vale ressaltar o quanto ela é mágica. A gestação dura perfeitos nove meses, tempo necessário para superar três fases que são essenciais antes de o seu pacotinho estar pronto para nascer. Tente não pensar em tudo de uma só vez, aproveite esse tempo para entender tudo em partes.

Os três primeiros meses:

Aproveite esse tempo para entender que tem um bebezinho dentro de você. Não se importe em contar isso para as pessoas que não serão importantes na sua vida daqui pra frente. Às vezes, contar para gente demais quando nem você ainda aceitou tudo isso, poderá mais atrapalhar do que ajudar. (Dica: seus pais, o pai da criança e seus chefes são pessoas essenciais para saber, tá?)

Dos quatro aos seis meses:

Chegou a hora de assimilar que você vai ter um filho, e acredite, isso é bem diferente do que simplesmente entender que tem alguém vivendo dentro de você. Será nesse momento que  sentirá os primeiros chutes, e isso é tipo a primeira comunicação da vida entre mãe e filho. Deixe seu instinto materno te dominar, curta a sua barriga que irá começar a aparecer, e ao final desse período, se sentir vontade, comece a contar para outras pessoas. Você já estará munida de boas respostas para quem disser que você perdeu a sua juventude, ou de perguntas idiotas do tipo “você nunca ouviu falar em camisinha”? Dica: nunca falem coisas idiotas para pessoas que engravidaram antes da hora. Elas já terão suas próprias dificuldades, tente não ser mais uma. ;)

Dos sete aos nove meses:

Por fim, chegou o momento de entender que alguém vai te chamar de mamãe, o que também é diferente de entender que você terá um filho. Tire muitas fotos, filme seu corpo, que estará divino neste momento.  Gerar uma pessoa é um privilégio, então aproveite. Não perca seu tempo se preocupando como as coisas serão, porque de qualquer forma, elas simplesmente serão. E você tem duas escolhas: perder essa fase única se lamentando pelo o que não foi, ou curtindo como está sendo o que, aparentemente, você não tem escolha, já que se lamentar não vai reverter a situação.

Não vou mentir que depois disso será só alegria. Várias pessoas se acharão no direito de dizer qual é a melhor forma de o seu filho mamar, dormir, se vestir. Isso deve acontecer desde os primórdios e não tem o que possamos fazer para impedir que essas pessoas guardem suas opiniões não bem-vindas para si. Mas você irá aprender a responder com muita educação – ou não – que o filho é seu e você faz do jeito que achar  melhor.

Ah! E eu posso não ter dominado ainda o mundo, mas ter um filho não me impediu, de forma alguma, a estar no caminho para isso. ;)

Tô no snap, me acompanha por lá: priscilaribas <3

Acompanhe A Terapia de Alice também no Instagram ♥

 Bases_Assinaturas_ATerapiaDeAlicePrile

, , ,

8 Respostas para "De repente grávida!"

  • Hélidy
    14 de abril de 2014 - 22:46 Responder

    Droga, eu sou a chata que acha que sabe de tudo! Mas pelo menos vc nunca me disse que o filho era teu e que sabia o melhor pra ele (pq vc é educada). rs… Aliás, vc é uma mãe incrível!

    • prisciribas
      15 de abril de 2014 - 09:43 Responder

      Você faz parte das duas pessoas legais para cada uma chata ;)

  • Ariana
    14 de abril de 2014 - 23:53 Responder

    Hahahhahahaaha tinha certeza que alguém tinha manipulado meu beta hcg tb! Inclusive achei que fosse o namorado que estava tentando me segurar com essa mentira!!! ahahahahhaa

    • prisciribas
      15 de abril de 2014 - 09:42 Responder

      hahahahaha ari, era o mundo conspirando “contra” a gente, pq né, é super fácil manipular um beta! hahahaah

  • Janaina Prado
    15 de abril de 2014 - 15:31 Responder

    Adorei.
    Pri, to acompanhando o blog e amando.
    Parabéns para vcs, e muito sucesso.
    Beijos

  • Katy
    7 de julho de 2015 - 15:27 Responder

    POORRRRRRRR FAVOR. Mais textos, historias sobre filho sobre filho! PLISSSSSSSSS *-* <3 amoooo a terapia de alice

    • Priscila Ribas
      10 de julho de 2015 - 10:30 Responder

      Vou escrever, Katy! <3
      Beijos!!

  • Valquiria Costa
    11 de outubro de 2016 - 10:25 Responder

    Adooooorei Pri..

    estou nessa fase e estou amando… foi sim planejado, mais não imaginei que viria agora! hahahah’
    estou de 9 semanas (exatos 3 meses) é incrivel… e como disse: “Gerar uma pessoa é um privilégio”

    Texto Lindoo.. beeeijos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *