Go to Top

Ouvi nós dois

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Foi no meio daquele jantar com os amigos que eu relutei para ir. Entre uma baladinha do John Mayer e aquela da Clarice Falcão. Num intervalo de 4 minutos eu fiquei sem chão, foi quando a nossa música tocou e você não estava lá. É difícil me acostumar em não ter você mais sempre comigo.

Como num flashback instantâneo, um filme passou na minha cabeça. Eu lembrei do primeiro beijo, da primeira briga, da última viagem, daquele restaurante que costumávamos ir e das tardes na janela. Senti meu coração apertado morrendo de saudades de você, senti a mesma tristeza de quando vi que nosso fim tinha sido muito fácil pra você e senti até um pouco de pena de mim, por estar me permitindo sofrer por tudo aquilo de novo.

Músicas são como cheiros, independente do contexto, quando vêm, trazem toda uma carga de passado que teima em ficar escondido. A nossa música tocou quase que sem querer e foi a primeira vez que eu percebi que de agora em diante eu sempre a ouviria sozinha.

De repente, eu despertei, foi naquela parte em que o refrão se repete até desaparecer. Olhei ao meu redor e vi que ninguém percebeu o transe em que estive nos últimos instantes, pois todos estavam comentando e rindo de alguma história que eu não tinha a menor ideia de qual era.

Me dei conta que era muito egoísta da minha parte ter relutado por estar lá. Nem eu nem ninguém poderia mudar o passado ou apagar os sentimentos que me invadem quando a nossa música toca. Mas todos que estavam reunidos naquela noite ofereciam o que podiam para que o meu presente fosse menos dolorido, e eu simplesmente não conseguia enxergar isso.

Assim que a Clarice tocou as primeiras notas em seu violão, eu me enchi de forças para estar ali, de corpo e alma, e para me inteirar da história que arrancava gargalhadas de todos ao meu redor. É fato, eu não teria mais você ao meu lado, mas eu teria muitas outras pessoas comigo, muitos outros momentos de alegria e um futuro inteiro para ser desvendado.

E para aqueles momentos que nada acalmasse a minha alma eu teria a nossa música, para ouvir sozinha e relembrar o quanto demos certo durante o tempo em que estivemos juntos.

♪ Youth – Daughter

Bases_Assinaturas_ATerapiaDeAliceMye

6 Respostas para "Ouvi nós dois"

  • Caroline Melo
    7 de junho de 2015 - 14:59 Responder

    Nossa meninas , pra quem é apaixonada por leitura e escrita acaba se encantando com tantos textos lindos , parabéns pela criatividade e por escrever tão bem sem esquecer da música para acompanhar tão belas palavras .
    Pra mim que amo escrever textos assim , acabei ficando boba por achar uma comunidade que expõe textos encantadores .
    Enfim Parabéns meninas pelos textos e principalmente por ” ouvi nós dois ” , acabou sendo o meu preferido .

    • a terapia de alice
      8 de junho de 2015 - 18:10 Responder

      Caroline, ficamos realmente agradecidas e contentes com suas palavras! Obrigada por todo o carinho, continue com a gente! :)

  • Karen
    7 de junho de 2015 - 23:50 Responder

    Maravilhoso texto parece que estava me descrevendo

    • a terapia de alice
      8 de junho de 2015 - 18:08 Responder

      Obrigada, Karen! :) Continue nos acompanhando!

  • Bruna Tavante
    9 de junho de 2015 - 22:26 Responder

    Nunca, deixem de escrever!, foram os melhores textos que alguém aqui poderia ter lido .. Parabéns

  • aline
    10 de junho de 2015 - 12:05 Responder

    Mylena Parabéns, como sempre, lindo o texto ! Apaixonada por cada texto .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *