Go to Top

Você me ensinou a acreditar no amor

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Eu estava esgotada. Eram sempre as mesmas pessoas, as mesmas músicas, e no fim da noite, as mesmas cantadas infames. Eu estava realmente farta de todos aqueles homens que achavam que me enganavam, dos que tinham certeza, e daqueles que me enganavam sem sombra de dúvidas. Decidi colocar meu coração à venda. Tirei ele do lugar, e coloquei na vitrine com o aviso: “Vende-se um coração em bom estado. Ainda bate e bombeia o sangue, apesar de tanto que apanhou.” Até que ponto o amor compensa, pensava eu enquanto torcia pra que alguém o comprasse o mais rápido possível.

Aí você adentrou a loja, e sem perguntar o preço ou nem mesmo experimentar, foi colocando o meu coração remendado em cima do balcão e pagando por ele, mesmo todo quebrado. Eu sorri e disse o valor, você me olhou e naquele momento eu senti que meu coração já pertencia a você. Ele encaixava em você. E eu, sem nem mesmo aceitar o pagamento, entreguei ele pra você, você o abraçou e cuidou dele com tanto amor, da forma como prometeu. De fato ele anda com você pra onde você vai, e você, como um homem de verdade, o protege, o poupa.

Com o tempo fui percebendo que você consertou aqueles remendados feios que eu fiz de fio verde limão, e colou em cima deles lindas fotografias de momentos nossos. Você tem um dom de transformar tudo o que está a sua volta, você fez isso com o meu coração, fez isso comigo. Eu era marrenta, chata e você dizia: “tem uma menina boa aí dentro, você só não quer que ninguém saiba.”. Você conhece o meu “aqui dentro” como ninguém, afinal, você leva o meu coração  com você. Você o restaurou, envernizou, poliu, colocou numa caixa e me deu de presente junto com uma vida nova, um amor novo e uma nova motivação.

Você tão intenso e interessado no que eu falo, no que penso e no que sinto, não poderia ter me dado um presente melhor. Você me ensinou a amar, e a cuidar de sentimentos, não apenas colocar à venda e trocar por outro. Hoje meu coração bate novamente no meu peito, mas ele não é mais meu, é seu, pois dentre todas as coisas que você mostrou pra ele, uma delas é que o amor compensa, e agora além de mim, ele também é apaixonado por você.

Quero conhecer você, me segue? 
Insta: @na.silveira Snap: na_silveira
Venha conhecer o Canal do A Terapia de Alice aqui 
Acompanhe A Terapia de Alice também no Instagram ♥

Bases_Assinaturas_ATerapiaDeAliceNatalia

 

15 Respostas para "Você me ensinou a acreditar no amor"

  • Cristina Silveira Basko
    22 de junho de 2015 - 00:18 Responder

    Perfeito

  • Andreza
    22 de junho de 2015 - 11:19 Responder

    Uau perfeito :)

  • Cristina Silveira Basko
    23 de junho de 2015 - 00:56 Responder

    ❤️❤️❤️❤️❤️

    • a terapia de alice
      23 de junho de 2015 - 09:33 Responder

      <3

  • aline
    23 de junho de 2015 - 15:47 Responder

    Nossa que texto Natália ! Muito bom

    • a terapia de alice
      23 de junho de 2015 - 15:54 Responder

      Obrigada Aline, que bom que gostou <3

  • aline
    23 de junho de 2015 - 15:48 Responder

    ♡♡♡♡♡

  • Ezequiel
    24 de junho de 2015 - 01:23 Responder

    “Vende-se um coração em mal estado. Já não bate e tampouco bombeia o sangue, por causa do tanto que apanhou.”

  • Andressa Beatriz de Melo .
    1 de julho de 2015 - 12:55 Responder

    PERFEITOOOOOOO!!!!

    • a terapia de alice
      1 de julho de 2015 - 13:10 Responder

      Obrigada Andressa linda ♥

  • EC
    7 de outubro de 2015 - 21:40 Responder

    Natália!!! Lindo Texto!!!

  • layse teles
    30 de novembro de 2015 - 10:06 Responder

    O texto é muito lindo!SSerá, que se eu colocasse o meu coração a venda, alguém compraria? !

    • a terapia de alice
      22 de dezembro de 2015 - 12:00 Responder

      Com certeza Layse, você é preciosa exatamente do jeito que é <3

  • Débora
    14 de março de 2016 - 11:16 Responder

    Apaixonada por essa página! <3 <3

  • Alessandro Sonemberg
    23 de abril de 2016 - 17:05 Responder

    Perfeito esse texto!! Parabénss!!!!

Deixe uma resposta para aline Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *