Go to Top

Afilhados são filhos do coração

♪ Clique aqui para ouvir Like a Star enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Fotografia: Milene da Mata

É incrível o amor imenso que você consegue sentir por alguém tão pequenino. Ele chega sem você planejar e faz você mudar toda a sua rotina. De repente você começa a comprar mini roupas imaginado como será o seu rostinho “será que ele (ou ela?) vai se parecer um pouco comigo?”. São meses aguardando ansiosamente e quando ele finalmente vem ao mundo, não tem como conter as lágrimas! O amor que você sente por aquele pacotinho com um pouco mais de 2kg transborda o seu coração. E podem dizer o que for, mas aquela marquinha que ele tem, se parece com a sua.

Ele cresce rápido demais, enche a sua casa de brinquedos e o seu coração de alegria. Os seus dias que antes poderiam ser preto e branco, agora são tão coloridos quanto uma caixa de lápis de cor (que você comprou para colorir o papel, mas ele preferiu usar na sua parede…). Ouvir aquela gargalhada fofa é remédio contra qualquer mau humor e te faz sorrir mesmo nos dias mais difíceis.

Você aprende a cantar todas as músicas do desenho preferido dele e não cansa de tirar fotos registrando cada segundo para mostrar para todo mundo a última descoberta “vocês não vão acreditar no que ele aprendeu a fazer” – mostrando o vídeo das palminhas. Os primeiros passos fazem a dinda morrer de orgulho e serão assunto pra uma semana toda (ou um mês). Não importa a idade, ele será sempre o seu bebê.

Se for menina então, com certeza ela deixará todas as princesas da Disney no chinelo – nenhuma é mais linda e mais esperta do que ela! E não existe declaração de amor mais doce do que o seu nome quando sai da boca dela pela primeira vez (mesmo que só você tenha escutado). Ao lado dela a vida é leve e os seus problemas ficam sempre para o dia seguinte.

Só quem tem um amor desses, sabe: é o abraço mais carinhoso, o sorriso mais sincero e o sentimento mais puro que possa existir. Ser madrinha é ser duas vezes escolhida: pelos pais e por Deus. É pertencer a um serzinho, mesmo que ele não te pertença, e querer cuidar dele como você cuidaria de um filho – porque afinal de contas, ele é. É um filho que nasceu do seu coração.

♥ VEM ACOMPANHAR TAMBÉM
(clique para seguir)
NO INSTAGRAM:
@milenedamata|@aterapiadealice
YOUTUBEFACEBOOKTWITTER

 

 

23 Respostas para "Afilhados são filhos do coração"

  • Doglas Dias Paes
    27 de julho de 2015 - 23:07 Responder

    Ser padrinho também S2, pq eu amo a minha afilhada!

    • a terapia de alice
      11 de agosto de 2015 - 20:43 Responder

      Verdade, Doglas! :D
      Obrigada pelo comentário. :)

  • Alexsandra Santana
    28 de julho de 2015 - 10:47 Responder

    Exatamente assim, nada mais emocionante do que acompanhar todo o processo de aprendizagem, cada passo, cada descoberta, cada palavra pronunciada, cada sorriso que encanta a todos e que faz esquecer todos os problemas… Tão bom ser chamada de Dinda, Dinha e Madrinha
    Parabéns Milene pelo ótimos texto, acompanho sempre vcs! :*
    #AmoSerMadrinha
    #AmoMeusAfilhados

    • a terapia de alice
      11 de agosto de 2015 - 20:44 Responder

      Né que é! ♥
      Obrigada pelo comentário, Alexsandra!
      Beijocas pra você e para o seu afilhado. :)

  • Sheila
    28 de julho de 2015 - 20:35 Responder

    Achei o texo lindo

    • a terapia de alice
      11 de agosto de 2015 - 20:45 Responder

      Muito, muito obrigada, Sheila! :)

  • janaina
    30 de julho de 2015 - 06:17 Responder

    Ser madrinha e muito bom e gratificante eu amo minhas afilhadas.

    • a terapia de alice
      11 de agosto de 2015 - 20:46 Responder

      Eu também sou apaixonada pelos meus afilhados ♥ são tudo de bom, né!
      Grande beijo, continue acompanhando o blog. :)

  • Regiane
    12 de agosto de 2015 - 08:23 Responder

    Olha que lindo Ká

    • Regiane
      12 de agosto de 2015 - 08:25 Responder

      Olha que lindo Ká @ka.cardenas.Gmail .Com

    • a terapia de alice
      15 de agosto de 2015 - 12:34 Responder

      ♥ ♥ ♥

  • Patrícia Arantes
    15 de agosto de 2015 - 13:25 Responder

    Ownnnn… pura verdade, são nossos filhos do ♡, presentes de Deus em nossas vidas!

    • a terapia de alice
      15 de agosto de 2015 - 14:57 Responder

      Né! São presentes de Deus mesmo. ♥
      Obrigada pelo comentário, beijocas!

  • adinaldo.s.ribeiro
    24 de outubro de 2015 - 14:31 Responder

    Eu tenho 3 afilhado eles são tudo pra mim eu amo eles como se fosse meus filhos.A melhor coisa da minha vida foi ser padrinho de 3 anjinhos

  • Adalberto barros
    4 de novembro de 2015 - 13:17 Responder

    Eu tenho dois afilhados lindos, infelizmente tenho mais contatos com apenas um que mesmo antes dele nascer e de eu saber que seria seu padrinho eu já sentia uma ansiedade nunca sentida em minha vida, eis que ele surge como um turbilhão de emoções que também nunca havia imaginado sentir por alguém que a cada dia muda a minha rotina os meus pensamentos e sentimentos, é uma emoção um amor tão grande que me emociona só de pensar, não há um dia se quer que eu não pense ou veja suas fotinhas, seu vídeo ou deixe de querer estar perto. Espero que Deus me dê a oportunidade de estar o máximo de tempo em sua vida pois uma das maiores felicidades para mim é estar perto dele … meu afilhado Victor. Dindin Te Ama Eternamente !

  • Juarez
    7 de novembro de 2015 - 12:59 Responder

    Meu afilhado e sobrinho é a maior alegria. Eu pensei que o dia que ele nasceu fosse o melhor de todos. Mas, cada dia fico mais feliz. Cada coisinha que aprende, cada vez que nos olhamos é sempre sensacional. Ele tão pequenino já me ensinou tanto e me fez ser alguém melhor do que eu era.

  • Silvania muniz
    7 de novembro de 2015 - 16:09 Responder

    Amo meus afilhados!

  • Caiky Maia
    6 de dezembro de 2015 - 00:53 Responder

    Realmente, ter afilhados é um presente e tanto! Ter essa missão é uma honra! Sou extremamente apaixonado pelo meu afilhado… É um amor que chega doer… Mt forte!

  • Denise Meirelles
    19 de dezembro de 2015 - 07:06 Responder

    Amei o texto, parabéns!
    Me sinto exatamente assim. Sou tão Dinda, que todos os irmaos, primos e amigos me chamam de Dinda também. Eles pensam que esse é o meu nome. Kkkkkk
    Amo tanto, todos eles, que nem tento mensurar.
    Que Deus permaneça nos iluminando, todos os Dindos e Dindas e abençoando todos os afilhados.
    Feliz Natal e um ótimo 2016.

  • Rodrigo Iuri
    25 de dezembro de 2015 - 15:22 Responder

    Meu afilhado é tudo para mim, chego até contar os segundos para passar aquele dia de muitas risadas e brincadeiras!

  • Nattany Pires
    2 de abril de 2016 - 08:45 Responder

    Ótimo texto, parabéns por ter conseguido expressar exatamente o quão encantador é esse universo de dindas e dindos. Abraço!

  • Jussara Vitorino
    7 de maio de 2016 - 16:11 Responder

    Simplesmente é uma benção de Deus!! Amo minhas 2 princesas! ♥♥

  • Nathalí Pimentel
    8 de julho de 2016 - 03:09 Responder

    A coisa mais deliciosa da vida é quando eu pergunto pro meu afilhado de 3 anos:
    -Qual é o meu nome? E ele responde: -Dinda!
    -Quem é o meu amor? -Eu!!!
    É um amor que não cabe no peito. Tenho meu afilhado de 3 anos e minha afilhada de 10 meses. Minha vida mudou com a presença deles!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *