Go to Top

Dê tempo ao tempo

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Vocês se adoram, eu sei, muito provavelmente irão colecionar anos juntos, mas começos podem ser complicados. Não adianta querer resolver tudo agora de uma vez. Amor e pressa simplesmente não combinam.

Esses próximos dias vão ser um pouco desconfortáveis, com frequência você vai ficar se perguntando se esse silêncio faz algum sentido. E sim, ele faz sentido. Lembra daquele velho ditado que diz “nada como uma noite de sono no meio”? Dependendo da intensidade da situação, às vezes mais do que uma noite é necessária.

A última conversa foi um pouco áspera, talvez vocês tenham falado mais do que queriam e da forma que não gostariam de ter dito. Então deixa, somos humanos, mágoa e raiva incendeiam nossos corpos, mas se apagam. Aproveite esse tempo para decantar os seus sentimentos e para tentar entender os motivos que causam aflição.

Pausas não são atestados de incompatibilidade ou de fracasso. Esse intervalo pode ser vital para que vocês dois se sintonizem na mesma vibração, para aí sim romper a greve de comunicação e passar a caminhar de mãos dadas no mesmo ritmo, rumo ao mesmo destino.

Pois se não isso, o que mais você poderia fazer? Tentar uma conversa sem jeito enquanto o mal estar ainda queima entre vocês? Muitas vezes somos guiadas por impulsos e com a vontade de resolver tudo o quanto antes, enfiamos os pés pelas mãos e acabamos bagunçando tudo ainda mais. Por isso, espera, dê tempo ao tempo.

Nada disso significa cruzar os braços e ver tudo ruir, mas significa se acalmar, entender os acontecimentos, assimilar as novidades e conhecer esses sentimentos contraditórios que estão tomando conta do seu coração. Faz isso por você, por ele e por vocês dois.

Mais rápido do que você imagina, a certeza vai invadir a sua mente. Arrisco dizer que com sincronia de ballet russo, a certeza vai invadir a mente dele também. Pronto, aí vocês estarão conectados, só que dessa vez de uma forma um pouquinho mais racional e sólida. Por isso, eu repito: dê tempo ao tempo.

♪ Shame – Ciaran Lavery

Bases_Assinaturas_ATerapiaDeAliceMye

73 Respostas para "Dê tempo ao tempo"

  • Ilka Barreto Gama
    6 de julho de 2015 - 11:14 Responder

    Lindo texto!! Parabéns!!

    • a terapia de alice
      6 de julho de 2015 - 15:45 Responder

      Obrigada <3 Continue com a gente :)

  • Ravena
    6 de julho de 2015 - 13:35 Responder

    Feito pra mim, e o que estou vivendo, só queria que essa dor passasse logo :(

    • a terapia de alice
      6 de julho de 2015 - 15:45 Responder

      Ah Ravena, fique tranquila, a dor vai passar e esses dias vão ficar para trás antes de você se dar conta. Use esse tempo para explorar esses sentimentos e conhece-los. Espero que você e seu amor fiquem bem o quanto antes. Beijos

  • Natalia
    6 de julho de 2015 - 14:13 Responder

    Seus textos são perfeitos. Leio todos!

    • a terapia de alice
      6 de julho de 2015 - 15:41 Responder

      Obrigada pelo carinho, Natalia! Continue com a gente <3

    • a terapia de alice
      6 de julho de 2015 - 16:46 Responder

      Obrigada, Mônica!<3

  • Patricia Alves
    6 de julho de 2015 - 16:52 Responder

    Lindo texto, o mais difícil é se acalmar, entender os acontecimentos, assimilar as novidades e conhecer esses sentimentos contraditórios que estão tomando conta do seu coração, a vontade é buscar as respostas rapidamente, mas isso poderia colocar tudo aguá a baixo.
    Nesse exato momento, vou seguir com o coração esse seu texto, que para mim veio como uma resposta que eu estava precisando.

    • a terapia de alice
      7 de julho de 2015 - 09:45 Responder

      É mesmo, Patricia, não é fácil! Mas lembre que vc é mais forte do que imagina e vai passar por este período muito tranquilamente, as respostas que vc precisa vão surgir na sua mente! <3 Continue com a gente e depois, se quiser, nos conte como foi o desfecho da sua história. :D

  • Aline Luna
    6 de julho de 2015 - 16:53 Responder

    Nossa, era tudo que eu precisava ler hoje! O blog é perfeito <3

    • a terapia de alice
      7 de julho de 2015 - 09:42 Responder

      Que bom, Aline! <3 Ficamos bem felizes por sua visita, continue nos acompanhando :D

  • Yasmin
    6 de julho de 2015 - 17:56 Responder

    boa tarde! muito bom o texto, me encontro nesta situação.. gostaria de saber se posso publicar no meu site e tambem no facebook? Obrigada

    • a terapia de alice
      7 de julho de 2015 - 09:50 Responder

      Olá Yasmin, obrigada <3 Que legal, qual é o seu site? Você pode compartilhar este e qualquer um dos nossos textos no seu Facebook, desde que puxando o link diretamente do nosso site :D Beijos, continue com a gente

  • Larissa
    6 de julho de 2015 - 23:21 Responder

    Impossível descrever cada texto lido!
    Parabéns!!!

    • a terapia de alice
      7 de julho de 2015 - 09:39 Responder

      Obrigada pelo carinho, Larissa! Continue nos acompanhando :)

  • Marina
    7 de julho de 2015 - 10:33 Responder

    Só li verdades! Porque na realidade da vida é exatamente disso que os seres humanos são feitos, de intervalos que procuram até que se chegue em uma solução do que é preciso para que a completude exista de um para o outro, e não dos dois juntos. Antes de casal, todas as pessoas são exclusivamente uma, e uma alma já carrega por si só bagagens, incertezas, dores, inseguranças e medos, então, quando se quer juntar um coração a outro, é preciso primeiro a autenticidade, a individualidade e o que cada ser por si só deseja, para só então, entrar em contato direto com a felicidade a dois!
    Texto lindo, parabéns!

    • a terapia de alice
      7 de julho de 2015 - 11:09 Responder

      Bem isso mesmo, Marina, belo complemento! Precisamos estar alinhados individualmente para depois conquistar felicidade como dois. Obrigada, pelo carinho, continue nos acompanhando :)

  • Michelly rodrigues
    7 de julho de 2015 - 23:37 Responder

    Estou passando por essa situação, o pior que envolvem outras pessoas no meio.. Que inventam coisas e ele fica chateado cmg. Estou precisando falar com ele, mas depois desse texto fiquei confusa, não sei se eu converso e esclareço as coisas ou espero o tempo

    • a terapia de alice
      8 de julho de 2015 - 10:09 Responder

      Oi Michelly, a questão de dar tempo ao tempo é para que vc esclareça as coisas que estão no seu coração, para que vc tenha certeza dos seus sentimentos e intenções, enquanto espera a “poeira baixar”. Se pra vc tudo isso já está claro, se vc já tem bem certo o que vc quer, vale a pena conversar com ele sim e ouvir tudo o que ele tem a dizer. E nessa conversa, vale muito a pena vocês decidirem o quanto vão deixar a opinião das pessoas interferirem no relacionamento de vocês. Lembre que confiança e lealdade é a base de qualquer relacionamento sólido. Estamos torcendo por você, depois nos conte como foi o desfecho da sua história. Beijos <3

  • Gabrielly
    8 de julho de 2015 - 14:11 Responder

    Eu não me canso de ler este texto, é exatamente o que está acontecendo comigo e eu peço muito pra que essa dor insuportável passe logo pois eu não aguento mais são os piores 4 dias da minha vida, fazem 3 anos que a gente namora e ele nunca fez isso e o pior de tudo é nem ele sabe o porque nem ele sabe o que está acontecendo, estou com um sentimento horrível de que eu não sou boa o bastante pra fazer ele feliz, mais ele fala que a culpa não é minha, eu sinceramente não sei mais o que eu faço, trabalhamos juntos e isso é o que me mata, mudei meu horário na academia pra não ir no mesmo que o dele mais ta sendo pior não quero nem ir mais, eu só rezo e peço muito pra que tudo passe logo e que nós dois voltamos a ser como éramos e até melhor!

    • a terapia de alice
      8 de julho de 2015 - 15:45 Responder

      Gabrielly, deu pra sentir sua angústia por suas palavras. A situação realmente não é simples, e pelo que parece ela não depende de você ou suas atitudes, é alguma coisa que está acontecendo com ele. Então, deixa essa angústia e indecisão para ele (a gente tem o hábito de se apropriar dos sentimentos dos outros, mas isso não é certo ou saudável). Tenho certeza que os dias têm sido horríveis, mas usa esse tempo para se acalmar, para buscar a força que tem dentro de você, para reavaliar os seus sentimentos, enfim usa esse tempo para você! Porque tenha em mente que vc é forte e completa com ou sem namorado. E por favor, nunca mais pense que você não é boa o suficiente para ele ou qualquer pessoa, você é o seu primeiro amor, se ame e se valorize antes de qualquer outra coisa. Quem sabe esse texto ajude a amenizar um pouco tudo isso e te mostre um outro jeito de ver as coisas: http://aterapiadealice.com/2015/06/eu-eu-mesma-alice/ Torcemos muito para que tudo fique claro na cabeça dele e vcs fiquem juntos novamente e sejam até melhores do que eram. <3 Depois, conta o desfecho da história pra gente. Beijos ;)

  • Maria clara
    8 de julho de 2015 - 22:56 Responder

    Me identifique muito c esse texto. Namorei a quatro meses e por um problema q aconteceu meu namorado pediu p se afastar e faz duas semanas q não conversamos. Não estou bem, estou querendo procura-lo, mas tenho medo do que venha a acontecer
    Acho q devo realmente dar tempo ao tempo

    • a terapia de alice
      11 de julho de 2015 - 21:00 Responder

      Oi Maria Clara, use esse tempo para entender tudo que acontece no seu coração em relação ao seu namoro. Quando descobrir, converse com ele. Lembre que você é mais forte do que imagina e saberá lidar com os resultados dessa conversa! Beijos, continue com a gente! ;)

  • Alice
    9 de julho de 2015 - 19:07 Responder

    Sem comentários, que texto…

    • a terapia de alice
      11 de julho de 2015 - 20:58 Responder

      Obrigada, Alice! Continue com a gente <3

  • Letícia Beneti
    9 de julho de 2015 - 22:20 Responder

    “Vocês se adoram, eu sei, muito provavelmente irão colecionar anos juntos”
    Sabe aquela frase que define um relacionamento? Viver 5 anos em um relacionamento io-io onde nem um nem outro sabe bem o que quer é complicado, mas no final o sentimento prevalece e as coisas chegam ao ponto de se resolverem.
    Tantos anos juntos, tantas memórias, tanta vida compartilhada, não é algo que vai ser jogado fora devido aos problemas que foram impostos a nós, mas como você disse no texto “dê tempo ao tempo”, que esse tempo me traga coisas boas, que traga o melhor pra mim e a pessoa com quem quero compartilhar a vida.
    Meus parabéns pelos textos.

    • a terapia de alice
      11 de julho de 2015 - 20:57 Responder

      Obrigada, Letícia!<3 Intervalos sempre trazem respostas, pois são nos momentos que as coisas não estão tão perfeitas quanto deveriam é que a gente se questiona, e como quem procura acha, é possível ouvir as verdades do seu coração. Desejamos toda a sorte do mundo para você! Beijos e continue com a gente :)

  • Andressa
    11 de julho de 2015 - 13:53 Responder

    Eu amei o seu texto, ele me fez refletir pois namoro a 11 meses só que parece anos pois nos vemos todos os dias, estamos quase casados praticamente e por causa disso nosso namoro acaba tento estresses continuos, não posso falar nada que ele se irrita, não posso perguntar nada, tudo tem q estar perfeito pra ele. E quando brigamos são brigas horríveis onde ficamos horas sem si falar e eu tonta fico tentando puxar assunto, tentando resolver tudo na hora e com isso eu só me machuco :(
    Esse texto me fez pensar que temos q dar um ar pra cada um .. Parabéns por esse dom de saber escrever palavra bonitas, amei seu site <3

    • a terapia de alice
      11 de julho de 2015 - 20:51 Responder

      Oi Andressa, primeiramente agradecemos pelo carinho! Sobre estas questões do seu relacionamento é sempre bom “dar um ar mesmo”, não duvide do amor de vocês, às vezes a solução está em não tentar resolver tudo na hora. Beijos e continue com a gente.

  • Tayna Beatriz
    16 de julho de 2015 - 00:13 Responder

    Texto incrível , me identifico muito com a história da Gabrielly, depois de 2 anos juntos hj fazem 7 dias que estamos separados, vivíamos um namoro quase casamento nos vendo todos os dias e chegamos ao ponto de brigar demais pois ele trabalha demais tb, e ele diz que se sente confuso, sem liberdade, no mesmo momento que vejo que ainda me ama, vejo que não me ama mais , a princípio me pediu um tempo, agora nem conversar direito estamos mais , peço a Deus que tudo isso passe e que podemos voltar a ser melhor juntos … :/ meus dias tem sido péssimos pois além de tudo tenho passado por problemas de saúde, não sei mais pra onde correr, a tristeza está tomando conta do meu coração!

    • a terapia de alice
      18 de julho de 2015 - 23:09 Responder

      Tayna querida! Não se deixe abater por essa sensação de perda, você é muito mais forte do que imagina! Não se pode julgar seu namorado ou falar por ele, então vamos focar em você. Olha pra dentro, cuida de você, da sua saúde, isso é o mais importante. Se nós não estamos bem com a gente mesmo, dificilmente estaremos com outras pessoas. Se permita uma pouco de egoísmo nessa situação e se mime, seja sua única preocupação. O desfecho dessa situação vai te tornar uma pessoa ainda melhor, tenha certeza e depois, se quiser, compartilha com a gente como as coisas ficaram. Beijos e continue com a gente <3

  • Poliana
    16 de julho de 2015 - 13:28 Responder

    Lindo texto, assim como todos os demais. Lugar incrível para se descontrair e compartilhar nossas próprias angústias.
    Parabéns!!!

    • a terapia de alice
      18 de julho de 2015 - 23:01 Responder

      É isso aí, Poliana! Estamos sempre juntas nessa vida surpreendente! <3 Continue com a gente e obrigada pelo carinho, beijos

  • Lih..
    19 de julho de 2015 - 17:25 Responder

    Como em um dos comentários de um outro texto aqui: “Tu fala com a alma e consegue tocar o coração e até mesmo os pensamentos”.
    Lendo vários textos deste blog, me identifiquei muito, e os quais não me identifiquei consegui perceber como são algumas pessoas a meu redor. Lendo “Transbordo não nego”, vi que lá aconselha a escrever. Colocar pra fora, por que simplesmente o que queremos que saia de nós estará para fora. É tão incrível o que as palavras fazem para nosso coração. Eu sempre escrevi, sempre tive como terapia, a escrita. Algumas coisas já rendeu alguns “likes” mas outras, quando leio, é só pra dar risada. E até então, não tinha encontrado nada que dissesse isso, me achava maluca, ao entrar debaixo da minha cama de solteiro (principalmente nos dias quentes, é bem fresquinho lá rsrs) e escrever na grade de madeira que segura o colchão.
    Sinceramente, sou uma das que transborda e não nega!! Acho que assim as coisas fluem melhores. E como boa “transbordante”, venho aqui expressar uma grande admiração, por todas vocês, que escrevem estes textos maravilhosos. Não só por serem bem escritos, por serem jornalistas e mais um milhão de qualificação. Mas porque escrevem o que muitas garotas precisam ler, são simples, são diretas. Realmente emocionada com o trabalho de vocês.
    E em relação a seu texto Mylena, como me identifiquei!!!!! Passei por um término muito conturbado há mais ou menos 1 ano. E como amei o tempo, como apreciei ele pela capacidade que tem de mudar tudo, de acalmar tudo, de fazer acontecer. Sou uma das grandes admiradoras do tempo e posso dizer que sou prova viva de que ele nunca, nunca, nunca falha.
    Obrigada por me proporcionar calmaria no coração e na mente. E por me tranquilizar, por saber que estou no caminho certo.
    Beijos, e não deixem de escrever!!! ;)

    • a terapia de alice
      20 de julho de 2015 - 03:52 Responder

      Oi Lih querida, que máximo que vc também escreve pra colocar as coisas para fora! Eu tenho a impressão de quando a gente se põe a escrever, chega um momento que coração e dedos se conectam, sem que a cabeça esteja envolvida, parece que nessa hora saem as maiores verdades e descobertas. Sabia que divulgamos alguns textos de leitoras que chegam até nós? Se vc um dia quiser compartilhar seus pensamentos com a gente, manda um alô para o contato@aterapiadealice.com. No mais, mais uma vez muuuuito obrigada pelo seu carinho e por estar conosco, participando das nossas descobertas também! Pode deixar que não deixaremos de escrever! Beijos <3

      • Lih
        21 de julho de 2015 - 14:01 Responder

        Sim, quantas verdades descobri ao escrever. Que legal! Mandarei alguns textos a vcs.
        beijos ;)

        • a terapia de alice
          22 de julho de 2015 - 08:03 Responder

          Estamos aguardando! Beijinhos Lih <3

  • Karoline
    25 de agosto de 2015 - 20:22 Responder

    Esse texto veio no momento exato da minha vida … depois de 2 anos e três meses meu namorado terminou comigo,hoje faz uma semana,não estavamos indo bem,muitas brigas desnecessárias,e pra piorar,era a distancia … nos primeiros dias não sabia o que fazer,só queria conversar com ele e entender todos os motivos,entendia mas não aceitava … agora que está começando a segunda semana sem ele,procurei colocar minha cabeça no lugar,todos me diziam que eu precisava desse famoso ”tempo ao tempo”,mas eu não queria de forma alguma. A dor que sinto é imensa,mas coloquei nas mãos de Deus e acredito que com o tempo,as coisas irão se resolver.

    • a terapia de alice
      27 de agosto de 2015 - 11:54 Responder

      Karol, tenha certeza que o tempo vai acalmar seu coração e trazer mais clareza para os pensamentos! Aproveita esse período para se curtir, como você mesma disse aproveita para “por a cabeça no lugar”. Lembre que você é mais forte do que imagina <3 Beijos e continue com a gente ;)

  • Ana Paula Lisboa
    28 de agosto de 2015 - 14:18 Responder

    Estou angustiada e acabei de ler esse texto lindo, tempo ao tempo…. não ta sendo nada facíl meus dias com o rompimento de uma relação de quatro anos ta doendo muito, estou angustiada, triste. Estou orando a Deus para que ele volte em breve e que tudo isso passe. Esse texto foi Deus e um anjo da guarda que me enviou para confortar meu coração….Obrigada por tocar nossos corações com esses lindos e verdadeiros texto.

    • a terapia de alice
      31 de agosto de 2015 - 18:24 Responder

      Oi Ana Paula, emocionante essas suas palavras, obrigada por todo o carinho! Tenho certeza que os dias estão acalmando as suas angústias e aos poucos tudo tem feito mais sentido. Confie, tenha fé e veja o lado bom das coisas: agora você tem um tempinho extra pra se curtir, se paparicar! Beijos <3

  • Juliana
    28 de agosto de 2015 - 14:37 Responder

    Perfeito para meu momento atual.. e sim, dar tempo ao tempo é a melhor coisa!

    • a terapia de alice
      29 de agosto de 2015 - 23:37 Responder

      Isso mesmo, Juliana! Aproveita esse tempo apra se curtir e se mimar, a gente às vezes esquece disso! Beijos e continue com a gente ;)

  • Caroline Alves
    28 de agosto de 2015 - 14:39 Responder

    O que eu mais gosto dos textos da terapia de Alice é que eles falam de amor na maioria das vezes. Tenho costume de ver sites que também adoro mas que falam muito de dor, rompimento, relacionamentos que não deram certo. E ler sobre o amor contagia, nos faz querer continuar mesmo nos dias de dificuldade. O amor precisa de tempo mesmo, namoro faz 9 anos e todos os dias é uma batalha. Mas no final tudo vale a pena ❤️

    • a terapia de alice
      29 de agosto de 2015 - 23:36 Responder

      Caroline, que legal esse seu comentário! Realmente o amor é contagiante <3 Parabéns por batalhar pelo seu romance há tanto tempo! Beijos e continue com a gente :)

  • Camila
    28 de agosto de 2015 - 17:44 Responder

    Me identifiquei muito com esse texto, pois é exatamente o que eu estou vivendo no momento, estou tendo que aprender a lidar com ” dar tempo ao tempo”… eu namorei por 6 meses, sei que é pouco tempo, mas foi o suficiente para eu me apegar, me apaixonar…enfim, depois de algumas decepções…desentendimentos resolvemos dar um tempo para pensarmos nos erros e nos acertos… já fez 2 semanas que não nos vemos ( só nos falamos por mensagem as vezes), no inicio foi bem difícil, meu chão caiu, pois a sensação de não estar mais com aquela pessoa, de ter que mudar toda a rotina não é uma tarefa muito fácil rsrs, mas Graças a Deus estou bem melhor hoje e entendo bem melhor tudo…Sei que Deus tem o melhor pra mim e pra ele e no tempo certo as as coisas irão se ajeitar.
    Adoro esse blog e me identifico com a maioria dos textos rsrs.

    Um Grande Abraço!! ;)

    • a terapia de alice
      29 de agosto de 2015 - 23:34 Responder

      Oi Camila, é bem isso mesmo, fico feliz que você consiga ver o lado positivo da situação! Obrigada pelo carinho e fique com a gente :) beijos

    • a terapia de alice
      29 de agosto de 2015 - 23:33 Responder

      Fabiana, fique tranquila, cada dia que passa a dor é um pouquinho menor e com o tempo (esse lindo) você vai voltar a ver tudo com olhos alegres e otimista. Aproveite para se amar, se cuidar, e ficar na sua. Isso tudo só faz bem :)

  • Gabi cancela
    28 de agosto de 2015 - 19:38 Responder

    Sabe estou passando por um momento como no texto. Estou a 1 mês (eu sei pouco tempo) com um cara incrível mas de 1 semana pra cá ele mudou da noite pro dia. Me evitando e não falando mais. Oq me deixa confusa pois ele em todo momento foi carinhoso e atencioso sempre perto e agr quase nem olha na minha cara. Perguntei Oq tava acontecendo e ele disse que tava normal que era coisa da minha cabeça. Mas não chega perto nem da sinal que quer ficar cmg. Me ajuuuda

    • a terapia de alice
      29 de agosto de 2015 - 23:32 Responder

      Oi Gabi, angustiante a sua situação! Mas vc já fez o que eu te aconselharia a fazer: falar com ele. Agora, no seu lugar o que eu faria era deixar as coisas esfriarem um pouco, durante um tempo e depois tentar uma última vez a engatar as coisas. Porque aí você fica com a sua consciência limpa que fez tudo o que pôde :) Beijos e continue com a gente

  • Deh
    6 de setembro de 2015 - 02:52 Responder

    Texto perfeito! Um achado nessa minha rotina de noites em claro desde que ele terminou comigo um namoro de 2 anos e 4 meses. Nunca brigamos feio. Óbvio que existiam algumas discussões, afinal, ninguém é perfeito, porém sempre resolvemos tudo na base da conversa, cada um cedendo um pouco para o bem dos dois. Mas nunca tinha ficado sem falar com ele por tantos dias (para mim menos de uma semana já é uma eternidade), e esse silêncio dói tanto quanto se houvessem palavras ríspidas entre nós. Pior que nem terminamos “pessoalmente”, foi por telefone. Ficamos de marcar um dia para conversar, e desde então eu fico criando um roteiro na minha cabeça (como se ele fosse ser seguido). Ler esse texto foi ótimo. É exatamente isso que estava faltando: dar tempo ao tempo, me entender para depois entender ele, conversar comigo para depois querer uma conversa com ele, olhar para dentro de mim antes de qualquer outra coisa. Espero de verdade que ao final desse tempo a gente se entenda tão bem como sempre foi nesses dois anos juntos.
    Obrigada mesmo pelas tuas palavras. Não conhecia essa página, mas tudo indica que me tornarei uma leitora assídua dela.

    • a terapia de alice
      6 de setembro de 2015 - 15:18 Responder

      Deh, obrigada pelo carinho! Vc está certíssima com essa forma de encarar a situação, fácil não é, mas olhar para dentro e se entender é o melhor que vc pode fazer! Conte depois qual foi o desfecho de tudo e continue acompanhando A Terapia de Alice :) <3

  • Renato
    16 de setembro de 2015 - 08:35 Responder

    Se eu tivesse lido esse texto 4 meses atrás, não perderia a mulher que eu amo.
    A pressa e o desespero me fez tomar decisões e ações que custaram um namoro de 4 anos.
    Não era perfeito e tinhamos nossos problemas, mas eu a amava tanto. Troquei os pés pelas mãos.
    Nunca é tarde pra aprender, não é?

    Belo texto, obrigado!!

    • a terapia de alice
      16 de setembro de 2015 - 22:02 Responder

      Renato, a vida é uma escola infinita! Quem sabe este período que vcs estão separados seja o “tempo” necessário para que as coisas de ajeitem e se não for, tenho certeza que vc vai fazer as coisas diferentes daqui pra frente e conquistar o que quer. Obrigada! Nos visite mais :)

  • michelle
    30 de outubro de 2015 - 12:38 Responder

    Vivenciando isso dia após dia no último mês. E a leitura de vc a tem feito um trabalho excepcional na minha vida.

    • a terapia de alice
      8 de novembro de 2015 - 19:36 Responder

      Michelle, fico feliz em poder ajudar de alguma forma. Força aí, pq cada dia vivido é um mais longe de tudo que acabou. Beijos <3

  • Amanda
    30 de outubro de 2015 - 16:38 Responder

    Acabei um relacionamento ontem. Estou péssima!
    Depois de três anos de dedicação. Ele me largou e voltou pr a ex.
    Me liga ainda e me pede pra ficar com ele sem compromisso.
    Me dói muito saber que ele nunca me amou.
    Que fui usada e que ele apenas me procura pq eu sou uma excelente companhia na cama.

    • a terapia de alice
      3 de novembro de 2015 - 18:37 Responder

      Ai Amanda, imagino o tamanho da sua angústia. Mas não pense que ele nunca te amou, vcs ficaram juntos por 3 anos e isso é bastante coisa! Tenha força, foque em entender o que está passando dentro de você, se dê um tempo mesmo. Fique bem, beijos <3

  • Kelly Andrade
    2 de novembro de 2015 - 21:29 Responder

    Nunca tinha visto seus textos .. Mais posso dizer que acho que vi no momento certo namoro namorava não sei direito a 5 meses e do na nada ele me pediu esse “tempo” sem eu entender o porque isso já faz um mês ele disse que gosta de mim mais precisa ficar sozinho p entender uma série de coisas, às vezes ainda mando mensagem mais sou tratada com uma frieza enorme e só posso dizer que seu texto simplesmente disse a coisa certa talvez ele precise mesmo e eu também precise desse tempo! Agora vou ler todooooos e acompanhar sempre rs

    • a terapia de alice
      3 de novembro de 2015 - 18:34 Responder

      Fico bem feliz que o texto tenha te ajudo de algum jeito, Kelly! Tenha paciência que tudo vai se encaixando e vc vai descobrindo o que realmente importa. Continue nos acompanhando mesmo :) Beijos

  • Giovana Miranda
    7 de novembro de 2015 - 00:58 Responder

    Quando “mentes brilhantes” se juntam, é esse o resultado ! Ler tudo isso é realmente uma terapia .. das melhores ! É ver que tudo tem solução e que depende de nós saber enxergar ..
    Vocês são I N C R Í V E I S !

    • a terapia de alice
      8 de novembro de 2015 - 19:31 Responder

      Gi, muito obrigada por todo o carinho! Tudo o que vc precisa está dentro de vc mesma! :) beijinhos e continue com a gente

  • amanda
    29 de novembro de 2015 - 15:24 Responder

    sou completamente apaixonada por um garoto da igreja e ele diz que sente o mesmo mas o sentimento dele é passageiro e sempre que vejo ele, aquele sorriso eu fico mais apaixonada mas ele estuda em um colegio onde só tem meninas bonitas e nesse momento eu penso que ele nem lembra mim mas quando estou na rodinha de amigos ele n para de me olhar e os olhos dele brilham eu odeio sentir isso por ele e faz 2 anos que sinto isso e ele sempre fala comigo diz que gosta de quando me ve desperta algo nele dai depois de um tempo ele diz que esta confuso por que eu ja namorei o melhor amigo dele e esse amigo ainda gosta de mim e ele nao quer ferir os sentimentos do amigo dele e passa uns dois meses ele volta a falar comigo ele diz que o que ele sente é forte e eu como sou troxa todas as vezes eu acredito que vai ser diferente e sempre ele desiste e passa um tempo ele volta.
    mes passado sofri tanto eu chorava todos os dias e decidi que n ia mais sofrer que ele n mereçia e ai o senimento foi passando ate que eu achei que tinha superado final de semana passado fui no retiro da igreja e ele foi, foram 3 dias vendo ele e ele me olhando meu amigo ate disseque ele n parava de me olhar enfim cheguei desse retiro o pó, sofrendo querendo que ele viesse falar comigo querendo ele mas ele n falou comigo e entao eu estava no facebook ele estava curtindo a foto de uma menina de 2011 ele curtiu umas 3 fotos e eu quis morrer dai um amigo dele veio falar comigo e disse que ele disse que morre de vontade de namorar comigo mas ele vai embora p santos ano que vem eu ja tentei colocar isso na minha cabeça mas meu coraçao é teimoso e eu amo muito ele e nao sei o que fazer

    • a terapia de alice
      3 de dezembro de 2015 - 11:51 Responder

      Amanda, compreende e já senti a sua aflição sobre a situação. Já que ele vai embora logo, acho que vc podia aproveitar para ver se realmente pode ter um namoro aí. Quem sabe seja a hora de por os pratos sobre a mesa, contar para o seu ex-namorado, que é amigo dele, o sentimento de vcs dois para serem felizes logo. E tem outra, ele ir embora não significa que vcs não podem ter um relacionamento, mas ele precisa começar enquanto vcs moram na mesma cidade. Beijos

  • Duda Sabino
    30 de dezembro de 2015 - 02:35 Responder

    As vezes eu acho que contam coisas da minha vida pra vocês kkkk lindos textos. Ah, e é isso mesmo que preciso/precisamos. Tempo. Beijosssss, sucesso <3

    • a terapia de alice
      7 de março de 2016 - 14:52 Responder

      Obrigada, lindona!!! <3

  • Larissa
    2 de fevereiro de 2016 - 17:26 Responder

    Eu amo, amo de paixão todos os textos que vocês meninas.

    obrigada, porque todos esses textos servem de instruções para vida de uma moça, que em meio a juventude se encontra em tantas complicações. Obrigada por tudo!

    • a terapia de alice
      7 de março de 2016 - 14:43 Responder

      obrigada, lindona!!! <#

  • Janete
    18 de abril de 2016 - 14:45 Responder

    Conheci um rapaz 10anos ms novo que eu. Passamos 15 dias juntos e ele muito carinhoso um certo dia ele disse que ia passar em minha casa e me deixou esperando ate meia noite eu feichei o tempo oor mensagem .ele nao me respondeu e depois que insisti ele respondeu e disse que gosta de mim ms que agente nao da certo justos e que ele precisa de um tempo sozinho.mesmo assim eu mandei mensagems de amigo e de boa noite ele agradeceu e tambem me desejou bia noite.no outro dia nao me respondeu mais.falou pro primo dele que gosta de mim nais quer vurar a pagina.como devo agir daqui por diante?

    • a terapia de alice
      19 de abril de 2016 - 10:42 Responder

      Janete, por mais difícil que seja, você tbm precisa seguir com a sua vida. Vc deixou claro para esse garota o quanto vc gosta dele e gostaria de ter ele com vc, acho que não tem como deixar mais claro. Se vc continuar em contato, vc vai estar passando por cima do seu amor próprio. Segue a sua trajetória numa boa, quem sabe ele retorna, quem sabe não.

  • Aline
    24 de junho de 2016 - 15:28 Responder

    Excelente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *