Go to Top

Não espere perder para valorizar

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Se eu pudesse te dar apenas um conselho, seria: não espere perder para valorizar. Eu já perdi as contas de quantos amores eu vi se desfazerem aos poucos por cansaço, não por falta de amor.

Ela está sempre ao seu lado, adivinhando os seus pensamentos e se esforçando para te agradar. Ela tem muitos sorrisos, mas sempre guarda o mais lindo para você. Ela te apóia, te entende. Ela te dá colo e o coração dela. Muitos gostariam de ter a sua sorte, mas ela escolheu você.

Ela é a sua melhor amiga, ela é menina que sabe ser mulher. Ela é diferente. Os seus problemas são os problemas dela também, e ela compartilha todas as suas alegrias. Mas não parece ser o suficiente… de repente aparecem compromissos mais importantes, aventuras mais interessantes. O certo dá lugar ao duvidoso. O que antes era um porto seguro se transforma em um lugar instável e vazio. Ela ainda está aqui, incansável, mas por mais forte que ela seja, um amor precisa de dois pilares para se sustentar. Ninguém ama sozinho, muito menos por dois.

Então antes que ela desista, preste atenção aos sinais que ela te dá. Preste atenção nos detalhes, na forma como ela te olha e não deixe que esses olhos se fechem para você, para que você entenda que nunca encontrará conforto em outro olhar. Saiba cuidar de quem cuida de você.

Não espere perder para perceber que a vida fazia sentido ao lado dela, não deixe que ela coloque um ponto final no que poderia ser apenas o início, e que ela siga em frente quando tudo que ela mais queria era ficar – você só precisa querer. Tenha a coragem de amar por inteiro. O valor de um homem não se mede pela quantidade de mulheres que ele conquista por dia, mas pela capacidade que ele tem de conquistar a mesma mulher todos os dias.

 

Não é só questão de dar valor para não perder, mas de dar o valor que ela merece. Não espere que ela vá embora para sentir a falta dela. Você poderá até encontrar outros abraços, outras bocas… mas sempre faltará algo, porque ela é única. O verdadeiro amor está batendo à sua porta agora. Não deixe ela ir embora, pode ser que ela não volte mais.

Clique aqui para se inscrever no meu canal do YouTube ♥ E vem me acompanhar também no Instagram: @milenedamata e @aterapiadealice ♥

 

36 Respostas para "Não espere perder para valorizar"

  • Natalia
    10 de setembro de 2015 - 22:08 Responder

    Mi, antes de qualquer coisa: Parabéns! Não sei a quanto tempo eu não vejo alguém que consegue escrever tão leve dessa forma.. A essência que há em seus textos é inexplicável! Você é linda e tudo o que posta vai direto e reto pro meu coração e para minha estrelinha de favorito! Também escrevo, não profissionalmente, mas se eu pudesse enviar um de meus textos para você e todas as outras escritoras darem uma olhada, eu ficaria lisonjeada!
    Um grande beijo.

    • a terapia de alice
      7 de novembro de 2015 - 11:40 Responder

      Ahh, que amor! Linda é você, muito pelo carinho, viu?! ♥
      Por favor nos envie seus textos, vamos adorar!
      Um grande beijo! ♥

  • Aline
    12 de setembro de 2015 - 00:23 Responder

    Num momento dificil que estou passando, me chamou a atençao o nome do blog, “terapia de Alice”. Tenho uma nenem que se chama Alice e pelo momento em que estou vivendo a palavra “terapia” tambem chamou minha atençao e depois de ler seus textos me encantei, e o que uma mulher deseja que seu companheiro seja por ela.Mas tenho uma curiosidade, saber porque voce escolheu pra nome desse blog “terapia de alice”. E simples e perfeito.

    • a terapia de alice
      7 de novembro de 2015 - 11:44 Responder

      Oii Aline! Lindo o nome da sua neném! ♥
      Escolhemos “Alice” por causa da “Alice no País das Maravilhas”, que vive tantos dilemas quanto nós, mulheres, não é mesmo? E “Terapia” remete aos dias atuais, a ajuda que a gente procura para resolver os nossos problemas, e é isso que mais amamos fazer: compartilhar experiências, inspirar e ajudar de alguma forma através dos nossos textos! ♥
      Um grande beijo para você e para a sua pequena, continue com a gente! :)

  • Gabriela
    15 de setembro de 2015 - 10:48 Responder

    Você simplesmente arrasa, parabéns

    • a terapia de alice
      7 de novembro de 2015 - 11:44 Responder

      Muito, muito obrigada, Gabi!
      Continue sempre com a gente. ♥
      Beijocas!

  • Ela não vai te pedir pra ficar | A Terapia de Alice
    7 de novembro de 2015 - 12:04 Responder

    […] outra que você conheceu, existe algo diferente nela que eu não sei explicar. Primeiramente fique atento aos sinais que ela dá, porque ela não é do tipo que vai te pedir pra ficar. Não ligue pro ciúme, ligue para a falta […]

  • Juliana Rodrigues
    7 de novembro de 2015 - 13:24 Responder

    Parabéns pelo belíssimo texto!!!

  • Eduardo
    7 de novembro de 2015 - 14:09 Responder

    É interessante como algumas pessoas entendem isso sem precisar perder alguém. Eu fui o cara que com o passar do tempo deixei ela fechar seus olhos para mim. Não por escolha, mas por simplesmente esquecer o quão importante é sempre notar os sinais e atitudes. Estar sempre presente, ser o seu sorriso, seu abraço, a sua fortaleza. Eu sempre amei ela com todas as forças, só que com o passar do tempo, isso foi me deixando e não notei. Acordei para isso quando perdi. Esse sentimento é pesado, mas saber que ela pode ser feliz sem mim, me tranquiliza. Pois antes ela não era assim. Então eu não fui tão ausente assim como pensei. Vocês mulheres são guerreiras, não fogem dos seus instintos, logo vocês são melhores. Ótimo texto, faz a gente pensar, entender e evoluir. Obrigado de coração.

    • Jessica
      12 de junho de 2017 - 11:47 Responder

      Nossa q lindo foi esse comentário

  • Heliete
    7 de novembro de 2015 - 14:31 Responder

    Que texto! Queria ter a metade deste dom para escrever. Parabéns!! Te amo

  • Felipe
    9 de novembro de 2015 - 15:34 Responder

    Excelente leitura Milene,
    Vivo minha vida hoje de uma forma complicada.
    Estou com uma mulher doze anos mais velha, ela me ama de todas as formas possíveis. Eu sempre tenho dúvidas sobre amar ou apenas gostar dela, tanto que é raríssimo eu dizer a frase eu te amo.

    Já terminamos e voltamos diversas vezes, a maioria porque ela vem pedir, porém, eu sofria muito também com a ideia da separação. Estamos a um ano e sete meses juntos.

    Algo que me entristece demais é o fato dela ser nervosa e não saber conversar, eu acabo expondo meu ponto de vista sobre algo que ela fez e ela fica de cabeça quente ou começa a chorar e pede pra mudar de assunto, sinceramente, estou a dar um fim nesta história, não sei o que fazer neste caso. Ela perde a cabeça e começa a falar alto perto de nossos amigos, não sei onde enfiar a cabeça nestas horas.

    Eu gosto dela, mas do jeito que tá, não dá pra levar.

    PS: Ela vive reclamando que raramente demonstro carinho, amor e dedicação inteira a ela, e acontece mais quando estou prestes a perdê-la

    PS2: Fazemos dança de salão e saímos com frequencia para dançar com os amigos. Ela insiste que tenho que dançar a maioria com ela por ser minha namorada, eu já penso que alertei ela no primeiro mês de namoro que tenho amigas que danço a tempo e não abro mão de dançar com quem gosto por mulher alguma, ois amo minha liberdade.

    Sei que foi mais um desabafo que apenas elogiar o texto, se possível uma help.

    Obrigado

  • Pam Souza
    11 de novembro de 2015 - 13:50 Responder

    Como sempre, vc Milene, me deixando sem palavras!
    Você arrasa. De verdade! Parabéns!
    É tão sensível, verdadeiro e leve, os seus textos, que mesmo direcionado a mulheres, permite que homens se identifiquem!
    Mesmo me vendo neste texto… Posso transportá-lo ao meu namorado! Assim é possível refletir ambos os lados. E manter uma relação melhor com as duas partes se preocupando com os detalhes, e fortalecendo muito mais!

  • Gi
    3 de dezembro de 2015 - 01:49 Responder

    Q lindo!!!!
    Até chorei!!
    Parecia eu escrevendo estas palavras.
    Amo muito o blog.
    Parabéns..

  • Tânia
    4 de fevereiro de 2016 - 02:10 Responder

    Muito lindo copiado e postado.

  • Pedro Rogério
    11 de abril de 2016 - 16:54 Responder

    Essa de conquistar uma amiga é uma dúvida que persegue o homem desde os tempos das cavernas rsrs

    Valeu pelo conteúdo, brother!

  • Eden Silva
    3 de junho de 2016 - 09:17 Responder

    Excelente explanação. Voce recomenda alguma literatura sobre esse assunto também?

  • Andrezza Lima
    10 de junho de 2016 - 16:45 Responder

    Muito lindo esse texto <3 <3

  • Jonathan Moura
    21 de junho de 2016 - 00:56 Responder

    Muito bacana, salvei nos favoritos para ver mais vezes heheh

  • Lucio Artes
    23 de junho de 2016 - 12:57 Responder

    Ainda assim estou com dificuldades, pode me indicar um material mais avançado sobre esse conteúdo?

  • Gleici Tumelini
    28 de junho de 2016 - 20:00 Responder

    No meu caso é o contrário. Quem não valorizou foi eu e agora ele está com outra. É o homem da minha vida. Ele é único. Nunca disse : ” eu não te amo mais ” Cansou e seguiu em frente. O que eu mais quero é tê-lo de volta, mas não posso atrapalhar a vida dele. Tenho que permitir que ele seja feliz, porém me dói demais e não sei se vou sobreviver. :/

  • Figo
    1 de julho de 2016 - 22:43 Responder

    Ouvir boas frases é sempre bom.

  • G. Verzemiassi
    3 de julho de 2016 - 16:50 Responder

    Olá, adorei o texto, as palavras… Vivo ou vivi uma situação assim, onde fiz tudo, tudo o que pode imaginar pelo amor de uma mulher (casada), sim, isto mesmo casada… fomos nos envolvendo pouco a pouco, e se foram 3 anos.
    Mas nada do que eu fiz, pareceu ser o bastante. E cansei de ser as duas pessoas nessa relação, de amar só, de quere só!
    E para piorar, acabou de forma triste, sem um eu não te quero mais ou algo assim…apenas por telefone me humilhou e sumiu.
    Enfim, dei o que eu podia dar de melhor, atenção, carinho, companheirismo, tempo, mas o principal, AMOR!

  • Daniele
    27 de agosto de 2016 - 22:07 Responder

    Milene, seus textos são lindos! Carregam uma leveza e uma essência que conseguem tocar nossos corações de uma maneira tão especial e única. Confesso que chorei ao ler esse texto hoje, porque encontrei muita verdade em cada palavrinha contida nele. Muito obrigada! <3

  • Roberto Andrade
    20 de setembro de 2016 - 12:44 Responder

    Muito bom esse artigo, obrigado por compartilhar, pois muitos homens sofrem mesmo com problemas assim em sua vida amorosa. Obrigadão!

  • eli
    25 de setembro de 2016 - 02:29 Responder

    eu li esse texto chorando pois meu casamento tá chegado au fim 32 anos 12 anos casada 1 filha de 11 anos .meu esposa da mais valor outras mulheres do que a mim já cansei de lutar sozinha pelo nosso casamento e triste pois eu amo muito sou evangélica não quero viver de aparecia por causa da religiao.c ansada de tudo sempre apoiei ele ajudei ele quer que eu seja uma pessoa que não sou até tentei mas nao consegui .

  • Leh
    15 de outubro de 2016 - 12:32 Responder

    Otimo artigo parabens pessoas,vou colocar como favorito o sitee !!! Muito bom o conteudo!!!

  • Jessica Silva
    20 de outubro de 2016 - 15:34 Responder

    Ótimo artigo, bastante esclarecedor, vou começar a seguir mais esse site!!! Muito Obrigada !!! :D

  • Jessica Silva
    24 de outubro de 2016 - 19:20 Responder

    Muitoo bom artigo, vou acompanhar mais esse site, parabens pelo conteudo !!! Obrigadaa!!!

  • Camila
    26 de outubro de 2016 - 07:35 Responder

    Amei o seu texto!

  • Anna Bárbara Teles Pereira
    17 de janeiro de 2018 - 23:39 Responder

    Amei o seu texto ❤️? Escreve de uma forma tão pura e leve.

    Também tenho um blog ,sei que é chato ficar divulgando . Mas é um blog de textos . Se quiseres entrar e conhecer , tenho certeza que vai gostar ❤️

    Muita luz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *