Go to Top

Cansei de tentar consertar o que não tem conserto

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

É incrível o poder que eu te dei para me magoar. Você me fez acreditar ser quem eu não era e por vezes me transformou em alguém que eu não queria ser – porque eu deixei, eu sei. Eu tentei colar os pedaços de tudo que você ia quebrando, tentei te consertar, tentei até mudar por você e te mostrar que dava para ser diferente, mas não teve como acompanhar suas atitudes inconstantes.

Por algum motivo que eu não sei explicar, eu pensava que você valia a pena, deve ser essa minha mania de supervalorizar as pessoas… Mas eu percebi que a única coisa que realmente vale aqui é o meu tempo e eu já perdi tempo demais tentando consertar o que não tem conserto. É melhor deixar pra lá o que não é pra ser.

Você esteve ausente demais, me machucou demais, aos poucos eu fui preenchendo o vazio que você deixou e hoje não há mais espaço para as suas desculpas sempre da boca pra fora, não tem mais espaço para o seu egoísmo, nem para a sua falta de personalidade. Eu me esforcei para que desse certo, mas simplesmente não posso dar lugar a alguém que eu nem ao menos sei quem é.

No início eu não entendia, mas com o tempo tudo ficou muito claro e eu fui percebendo que você não mudou de uma hora pra outra, eu é que não te conhecia e julgava que você fosse uma pessoa muito melhor… alguém que você nunca será. Doeu… você deixou em mim uma armadura de autodefesa, mas de tudo que você me fez passar, ficou apenas o aprendizado. Eu e o meu coração seguimos em frente e agora não tem mais espaço para a dor, não tem mais espaço para a sua falta de valor, não tem mais espaço pra você na minha vida. Eu não desejo o seu mal, mas aprendi a querer o bem de quem quer o meu bem também.

Clique aqui para se inscrever no meu canal do YouTube ♥ E vem me acompanhar também no Instagram: @milenedamata e @aterapiadealice ♥

13 Respostas para "Cansei de tentar consertar o que não tem conserto"

  • EC
    30 de dezembro de 2015 - 12:31 Responder

    Tive uma namorada, que diria exatamente isso para ela hoje.

    Simplesmente foi um texto incrível.

    Parabéns mais uma vez.

    • a terapia de alice
      10 de janeiro de 2016 - 17:18 Responder

      Obrigada por acompanhar o blog, sempre bom ver os seus comentários por aqui! :)

  • Esperança
    30 de dezembro de 2015 - 14:00 Responder

    Nossa!
    Magnífico texto!
    Parece que fui eu que escrevi.
    Hoje está completando 6 dias que eu e o meu ex terminamos. Esse texto resume um pouco da história. Comecei a namorar uma pessoa, fiz de tudo por ela, e aos poucos a máscara foi caindo. A máscara do orgulho, da ingratidão, do cinismo. Infelizmente não tenho coisas boas pra falar dele, mas durante o relacionamento, falava algumas qualidades, elogiava, pra ver se o incentivava a querer mudar, a ser melhor a cada dia. Ele me iludiu me prometendo casamento, mostrando fotos pra lua-de-mel e dizendo que me amava. Isso há um mês. Hoje, só resta um coração ferido. Amo-o desde 2009, quando tudo começou. Espero que esse sentimento morra de vez e brevemente dentro de mim. Não aguento mais, E que se um dia o mundo der voltas e ele me procurar (lógico que não fará isso, nem se estivesse amargamente arrependido, pois é muito orgulho) que eu possa estar firme, decidida, linda e feliz. Não é a primeira, nem a segunda e nem a terceira vez que ele me magoa, é a quarta. E eu, como tenho esperança no ser humano, sempre acreditei que ele pudesse mudar. Agora eu tenho certeza que não. Lamento pelos sonhos que sonhei com ele, mas antes agora, do que casar e se frustrar. E de uma coisa eu jamais vou me arrepender: “O fato de não ter tentado”! Ai, que dor! Só Deus na minha vida! :/

    • a terapia de alice
      10 de janeiro de 2016 - 17:20 Responder

      Querida, tenha certeza que o mundo dá voltas e que o melhor para você está guardado. Agora parece muito difícil, mas quando você menos esperar tudo vai melhorar. Fique bem! ♥ Um grande beijo pra você!

    • Alessandro Sonemberg
      17 de julho de 2016 - 20:23 Responder

      Fico muito triste por ti, moça!! Mas força que sempre haverá gente que merece seu carinho lá fora.

  • juliana nunes
    30 de dezembro de 2015 - 20:05 Responder

    esse texto me ajudou bastante! lindo lindo…

    • a terapia de alice
      10 de janeiro de 2016 - 17:21 Responder

      Que ótimo saber, Ju! Continue acompanhando. :) Beijocas! ♥

  • Heliete
    29 de janeiro de 2016 - 21:31 Responder

    Speechless.

  • Manu
    30 de janeiro de 2016 - 10:48 Responder

    Estava em uma relação a dois anos com uma pessoa que nunca disse que me amava, mais meu amor por ele é tão grande que achei que estando junto com ele era o bastante para estar feliz, enfim essa relação foi construída em cima de traições da parte dele em que muitas vezes acabei descobrindo e por falta de amor próprio continuei nesse relacionamento, me tornei uma pessoa ainda mais ciumenta e insegura, pois estava com uma pessoa em que acreditava não gostar de mim, e que ainda se envolvia com outras pessoas. Hoje, com o final dessa relação , apesar de todo o sofrimento que passei ainda contínuo sofrendo, ainda sinto falta da pessoa que me fez tanto mal, não sei o que fazer.

  • Alyne
    4 de abril de 2016 - 11:59 Responder

    Você descreveu o que ta me acontecendo !!

  • Dre Antonello
    25 de junho de 2016 - 20:22 Responder

    Lindoo ,como sempre !!
    Me ajudou a refletir melhor a minha situação!

  • Naiani
    18 de julho de 2016 - 00:31 Responder

    Texto perfeito. Me identifiquei não só pelo fato de ter passado por isso em um relacionamento amoroso, Mas em uma amizade da qual terminou por imaturidade do outro lado. Tentei relevar ao máximo até chegado o dia “hoje” que desisti por não valer mais a pena.

  • Tânia
    7 de março de 2019 - 08:50 Responder

    Adorei seus textos!!😍

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *