Go to Top

O problema é que ela é mulher demais pra ele

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Ela tem aquele sorriso doce, as mãos delicadas e o olhar de quem sabe o que quer. Ela morde os lábios quando está nervosa, mas respira fundo para não perder a pose. Ela segue em frente incansável, levanta a cada queda. Ela é determinada e não desiste, mas não insiste no que não é para ser.

Ela achava que o mundo ao lado dele poderia ser melhor, pensava que ele era a peça que se encaixava perfeitamente nos sonhos dela. Mas ela não sabia que ele não estava disposto a viver um sonho a dois. Ele não reparou no detalhe do cabelo, não valorizou o perfume. Ela queria o presente, ele quem sabe um dia. Mas ela não é mulher para depois e ele deveria saber que ela não iria esperar para sempre.

Ela se perguntava qual era o seu problema, até que se deu conta de que ela era mulher demais pra ele. Seguiu em frente, deixou a saudade em seu lugar. Ele tentou buscá-la em outros braços, outros abraços, experimentou um sorriso de cada… só que ela era rara. Sinto em dizer, mas nem adianta procurar… alguém como ela, ele nunca mais irá encontrar.

Clique aqui para se inscrever no meu canal do YouTube ♥ E vem me acompanhar também no Instagram: @milenedamata e @aterapiadealice ♥

 

12 Respostas para "O problema é que ela é mulher demais pra ele"

  • Michelle
    9 de fevereiro de 2016 - 01:58 Responder

    Perfeito e realista!
    “essas coisas de quem reconhece o próprio valor”, amei!

    • a terapia de alice
      21 de fevereiro de 2016 - 22:06 Responder

      Obrigada, Mi!!
      Continue acompanhando! ♥

  • EC
    12 de fevereiro de 2016 - 10:10 Responder

    Muitas verdades em suas palavras, viver um amor de verdade são para poucos, como diz o ditado.

    Muitas pessoas apenas existe.

    • a terapia de alice
      21 de fevereiro de 2016 - 22:06 Responder

      Verdade, infelizmente é assim… por isso precisamos valorizar quando encontramos o amor de verdade, né? ♥

  • Natalí
    1 de abril de 2016 - 08:33 Responder

    Cada vez amando mais os teus textos!♥

  • RV
    5 de maio de 2016 - 17:09 Responder

    É exatamente isso que estou passando!

  • Marcelo
    5 de maio de 2016 - 22:22 Responder

    Ele nunca quis ser o sonho exatamente perfeito e pleno de alguém, ele queria ser apenas ele mesmo.

  • Marcelo
    5 de maio de 2016 - 22:27 Responder

    Ela era mulher demais, perfeita demais. Ele nunca quis ser a peça perfeita do sonho de alguém, queria ser apenas ele mesmo.

  • Gabi
    5 de maio de 2016 - 23:10 Responder

    Você sabe o que escreve, sua alma transborada sensibilidade

  • Giulia
    6 de maio de 2016 - 19:12 Responder

    Os seus textos são os melhores! Sempre me identifico com cada palavra! parece até que a gente passa pelas mesmas coisas hahahah parabéns de verdade e muito muito sucesso!! Beijo

  • Paulo Junior
    3 de agosto de 2016 - 23:24 Responder

    Ele queria era o presente, o agora, o momento, mas ela queria o eterno o para sempre, o até que a morte nos separe, mas era muito cedo para tudo isso, só tinham 13 e 14 anos, mas ele continua amando ela desde que se foi e nunca mais achou ela, e ela se foi logo que foi rejeitada, talvez ele esteja certo porque não ia durar muito e isso ele ja sabia desde o principio, ele só queria curtir enquanto durasse, mas ela foi dura e não permitiu por tanto tempo, talvez se ele aceitasse ela, viriam tantos problemas para ele que ele não suportaria, viria a responsabilidade, familia, parentes, trabalho, talvez filhos, dinheiro, preocupação, stress e ainda havia a probabilidade de coisas piores acontecerem, mas para ela não tinha nada disso, afinal não era ela o homem da casa, talvez hoje ela entenda o que ele tinha passado aquela epoca e finalmente entendeu porque ele a rejeitou, porque trabalhar não é facil e ainda por cima com tanto stress assim ninguem aguenta, talvez seja para outra vida, para outra existencia, quando o dinheiro não falar mais alto, talvez.

  • Shey
    8 de março de 2017 - 23:46 Responder

    Um amor por esses textos que me definem….
    O que me deixa feliz em saber que tem alguém que sabe o que se passa .
    Obrigado por existir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *