Go to Top

Eu não sou formiga para me contentar com migalhas!

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Eu só queria saber quem foi que disse que eu estava apaixonada para você agir assim, pensando que me tem nas mãos. Desculpe, mas eu perdi o momento em que você me confundiu com todas as outras e pensou que eu seria apenas mais uma, mas vamos deixar claro em tempo: eu não sou formiga para me contentar com as suas migalhas.

Acho que você não prestou atenção quando eu disse que sou diferente. Eu não sou dessas que suspira com qualquer palavra bonita, eu sei identificar quando elas são ditas apenas da boca pra fora. Então não perca seu tempo tentando me iludir, tem muito mais do que você consegue ver dentro de mim. Eu posso fazer esse estilo inofensiva, mas sei bem me defender. Eu me entrego de corpo e alma, é verdade, mas só para quem merece. Já errei, verdade também. Mas foi errando que eu aprendi que meu tempo é valioso demais para perder aguardando uma ligação, ou um olhar de carinho. Definitivamente, eu não vou implorar pela sua atenção.

Não seja arrogante achando que vai me fazer sofrer, quem foi que disse que eu estava apaixonada por você? Entenda que eu sou dona das minhas vontades e se eu quis estar por um tempo ao seu lado, tudo bem, não faz mal. Mas isso não significa que a nossa história não teria um final. Já passou da hora de você entender que o mundo não gira ao seu redor, continue a fazer o seu jogo por aí, mas saiba que comigo você perdeu. Você pode se gabar e dizer que tem mil corações para chamar de seu, mas tenha certeza que nenhum deles será o meu.

♥ VEM ACOMPANHAR TAMBÉM
(clique para seguir)
NO INSTAGRAM:
@milenedamata|@aterapiadealice
YOUTUBEFACEBOOKTWITTER

 

 

2 Respostas para "Eu não sou formiga para me contentar com migalhas!"

  • Mari Caetano
    13 de abril de 2016 - 00:42 Responder

    Um dos melhores textos q li aqui

  • Camila Ribeiro
    20 de maio de 2016 - 20:43 Responder

    Lindo o texto era o que eu precisava ler hoje,obrigada por isso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *