Go to Top

Eu amava quem você era

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Eu amei você. Amei de uma forma que nunca achei que conseguiria amar alguém. Engraçado né? Logo eu, que não acreditava em amor à primeira vista, te amei desde a primeira vez que te vi. Hoje me pergunto como consegui amar alguém tão diferente de mim, e a única resposta é que eu amei quem você era, e não em quem você se tornou.

Mas se havia tanto amor envolvido, como poderia ter dado tão errado, não é mesmo? Fui ingênua o suficiente para não entender o que estava acontecendo. Você simplesmente havia mudado, mas o meu amor ainda era o mesmo, então acabou. Chegou a hora de te deixar ir. De eu mesma me deixar ir. Não sei o que vai acontecer, mas por enquanto é necessário viver o presente, e neste presente eu já não o conheço mais.

Agora chega. Chega de querer controlar algo que é incontrolável. Eu preciso te deixar ir. Te deixar sair do meu coração, dos meus planos e da minha vida. Como eu disse e repito mais uma vez, eu amei quem você era! O problema é que só eu sei quem você é, e tem um mundo lá fora que não pode lidar com o que você se tornou.

Posso dizer que te conheço de verdade, e me sinto feliz em dizer que conheço seu lado carinhoso, seu lado romântico, seu lado dedicado, seu lado brincalhão, seu lado tímido e principalmente, seu lado amoroso, mas esse seu lado que me fez sofrer por ser orgulhoso e egoísta, eu me recuso a conhecer.

Acompanhe A Terapia de Alice também no Instagram ♥

Uma Resposta para "Eu amava quem você era"

  • Aline Queiroz
    28 de julho de 2016 - 15:09 Responder

    Texto perfeito!!!
    Parabéns a autora e site pelo bom gosto e excelente trabalho!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *