Go to Top

Somos o tipo de bagunça, que se arrumar não dá mais certo

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Sempre tive todas as coisas planejadas, minha vida inteira roteirizada, perfeccionista e certinha. Queria me formar, viajar e conhecer o mundo. Namoro era perca de tempo, e mera distração para os meus objetivos. Mas então conheci você.

Sabe, jamais achei que fôssemos dar certo, você bagunçou minha rotina e não era nada do que eu esperava. Achei que quando fosse a hora encontraria um príncipe encantado em um cavalo branco. Sou ingênua. E aí o destino me trouxe você, tão distraído e diferente, atraído por riscos e perigos.

Eu era uma valsa e você um samba, como daria certo? Bom, não sei, mas deu, tem dado certo, apesar de nossas diferenças gritantes, da minha personalidade forte e perfeccionista e do seu descaso com as coisas sérias. Sinceramente, nós somos uma bagunça. Mas somos uma bagunça linda.

Juntamos minha valsa e seu samba e fizemos um novo ritmo onde vamos dançar juntos até o fim. Acho que se fôssemos mais parecidos não daria tão certo, até porque, como diz a física, são os opostos que se atraem. Nessa bagunça a gente se completa, se entende e se ama. Somos o tipo de bagunça, que se arrumar não dá mais certo.

Acompanhe A Terapia de Alice também no Instagram ♥

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *