Go to Top

Não me leve a mal, mas eu encerrei nossa história

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

Por favor não me leve a mal se hoje eu simplesmente pegar a minha mala e ir embora, sem olhar pra trás. Não me leve a mal se hoje eu te agradecer por tudo que você fez por mim. Agradecer principalmente pelas mágoas e decepções. Não me leve a mal se eu te agradecer pelas vezes em que você não superou minhas expectativas, foi graças a tudo isso que hoje eu me tornei a mulher que sou.

Não me leve a mal se eu não responder aquela sua mensagem do fim da tarde de domingo, dizendo o “quanto sente saudades”, porque eu estava ocupada demais juntando caquinho por caquinho do meu coração que você havia espalhado pela casa, foi preciso paciência, mas eu finalmente consegui.

Não me leve a mal se ouvir dizer por aí que estou realizando todos aqueles sonhos e planos, os quais havíamos sonhado juntos, mas eu descobri que antes de sonhar com alguém eu preciso ter os meus próprios sonhos, eu preciso me conhecer.

Não me leve a mal, mas eu estou bem. Estou mais leve do que eu pensei que estaria. Eu simplesmente fechei a porta para que você não entre como um furacão, daqueles que chegam com força e deixam tudo bagunçado, eu me cansei de tudo isso, amor pingado mata a alma. Não me leve a mal, mas eu encerrei a nossa história

Acompanhe A Terapia de Alice no Instagram e no Youtube

Bases_Assinaturas_ATerapiaDeAlice1

 

4 Respostas para "Não me leve a mal, mas eu encerrei nossa história"

  • Rosa
    24 de novembro de 2016 - 13:39 Responder

    Nossa como este texto me fez pensar……

    • Marcella Karolina Cirilo reis
      24 de novembro de 2016 - 22:28 Responder

      Você gostou , rosinha? Escrevi ele com todo amor para essa página❤

  • Evelin
    27 de novembro de 2016 - 00:43 Responder

    Era o que precisava ler por hoje…..

  • Catiuscia
    27 de novembro de 2016 - 18:23 Responder

    Amo os textos deste site.
    Cada texto que leio me identifico muito, inevitável não chorar.
    Gostaria de ver um texto sobre amizade colorida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *