Go to Top

Apenas não te quero mais!

♪ Clique aqui para ouvir Gravity enquanto lê este texto, ou clique aqui para ouvir a Playlist Milene da Mata completa no Spotify ♥

“Não imagine que te quero mal, apenas não te quero mais” – é clássico, é clichê e poderia ser até engraçado se este não fosse o resumo da nossa história.

Não é que eu tenha apagado da noite para o dia tudo que vivemos, por incrível que pareça eu ainda consigo me lembrar dos bons momentos e até sou grata por isso. Sei que a nossa sintonia era algo fora do comum e que em diversos aspectos nós somos muito semelhantes, mas as nossas diferenças nos tornaram incompatíveis, entende?

Agradeço suas “boas intenções”, mas recuso todas elas porque preciso de muito mais que palavras vazias. “Tuas ideias não correspondem aos fatos” – já diria Cazuza – “…e o tempo não para!”. Pode ser que alguém se contente com o pouco que você oferece, mas isso não serve pra mim. Não tenho mais minutos disponíveis no meu relógio para perder com alguém que não age de acordo com o que diz.

Por isso te digo sem mágoa, ou rancor, eu já estou seguindo o meu caminho e desejo que você siga o seu em paz. Desejo até que você seja feliz, só que ao meu lado nunca mais.

♥ VEM ACOMPANHAR TAMBÉM
(clique para seguir)
NO INSTAGRAM:
@milenedamata|@aterapiadealice
YOUTUBEFACEBOOKTWITTER

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *